segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

O que foi 2010 para você?


Para mim 2010 foi um voo em queda livre, sem paraquedas, com toda a adrenalina que há em voar sem rumo e com toda a pressão de cair a qualquer momento sem nenhuma proteção.
Uma passagem de ida ao infinito sem volta, sem nem ao menos reembolso pelos danos sofridos durante a viagem.
O ano de 2010 foi marcante, dilacerante, doloroso, alegre, feliz. Me deixou felizes momentos eternos e me deixou marcas eternamente dolorosas.
O ano de 2010 trouxe a mim meu eterno amadurecimento, minha eterna nostalgia, minha eterna dor. Trouxe as lições mais importantes e os momentos mais integros. Trouxe a mim uma readaptação na própria mesma vida.
Confirmou à mim as duas suspeitas que eu ja guardava: Segue sendo o amor que move o mundo e a família a nossa única certeza.

Deixou uma música com todo o significado. Absorva-a e aplique em sua vida, foi com essa música que eu aprendi a valorizar muito mais minha família:

Filtro Solar - Pedro Bial
Aproveite bem, o máximo que puder, o poder e a beleza da juventude.
Ou, então, esquece... Você nunca vai entender mesmo o poder e a beleza da juventude até que tenham se apagado. Mas pode crer que daqui a vinte anos você vai evocar as suas fotos, e perceber de um jeito que você nem desconfia hoje em dia, quantas, tantas alternativas se escancaravam a sua frente. E como você realmente estava com tudo em cima, você não está gordo ou gorda...
Não se preocupe com o futuro ou então preocupe-se, se quiser, mas saiba que pré-ocupação é tão eficaz quanto mascar chiclete para tentar resolver uma equação de álgebra.
As encrencas de verdade em sua vida tendem a vir de coisas que nunca passaram pela sua cabeça preocupada, e te pegam no ponto fraco às 4 da tarde de uma terça-feira modorrenta.
Todo dia, enfrente pelo menos uma coisa que te meta medo de verdade.
Cante.
Não seja leviano com o coração dos outros. Não ature gente de coração leviano. Use fio dental.
Não perca tempo com inveja. Às vezes se está por cima, às vezes por baixo. A peleja é longa e, no fim, é só você contra você mesmo.
Não esqueça os elogios que receber.
Esqueça as ofensas. Se conseguir isso, me ensine.
Guarde as antigas cartas de amor. Jogue fora os extratos bancários velhos.
Estique-se.
Não se sinta culpado por não saber o que fazer da vida. As pessoas mais interessantes que eu conheço não sabiam, aos vinte e dois o que queriam fazer da vida. Alguns dos quarentões mais interessantes que eu conheço ainda não sabem.
Tome bastante cálcio.
Seja cuidadoso com os joelhos. Você vai sentir falta deles.
Talvez você case, talvez não. Talvez tenha filhos, talvez não.
Talvez se divorcie aos quarenta, talvez dance ciranda em suas bodas de diamante.
Faça o que fizer não se auto congratule demais, nem seja severo demais com você,
As suas escolhas tem sempre metade das chances de dar certo, é assim para todo mundo.
Desfrute de seu corpo use-o de toda maneira que puder, mesmo!!
Não tenha medo de seu corpo ou do que as outras pessoas possam achar dele, é o mais incrível instrumento que você jamais vai possuir.
Dance.
Mesmo que não tenha aonde além de seu próprio quarto.
Leia as instruções mesmo que não vá segui-las depois. Não leia revistas de beleza, elas só vão fazer você se achar feio.
Dedique-se a conhecer seus pais. É impossível prever quando eles terão ido embora, de vez.
Seja legal com seus irmãos. Eles são a melhor ponte com o seu passado e possivelmente quem vai sempre mesmo te apoiar no futuro. Entenda que amigos vão e vem, mas nunca abra mão de uns poucos e bons.
Esforce-se de verdade para diminuir as distâncias geográficas e de estilos de vida, porque quanto mais velho você ficar, mais você vai precisar das pessoas que você conheceu quando jovem.
More uma vez em Nova York, mas vá embora antes de endurecer.
More uma vez no Havaí, mas se mande antes de amolecer.
Viaje.
Aceite certas verdades inescapáveis: Os preços vão subir, os políticos vão saracotear, você
também vai envelhecer. E quando isso acontecer você vai fantasiar que quando era jovem os preços eram razoáveis, os políticos eram decentes, e as crianças respeitavam os mais velhos.
Respeite os mais velhos!! E não espere que ninguém segure a sua barra. 

Talvez você arrume uma boa aposentadoria privada.
Talvez você case com um bom partido, mas não esqueça que um dos dois de repente pode acabar.
Não mexa demais nos cabelos se não quando você chegar aos 40 vai aparentar 85.
Cuidado com os conselhos que comprar, mas seja paciente com aqueles que os oferecem.
Conselho é uma forma de nostalgia. Compartilhar conselhos é um jeito de pescar o passado do lixo, esfregá-lo, repintar as partes feias e reciclar tudo por mais do que vale.
Mas no filtro solar. Acredite! 



Bom 2011 !!! Que tudo de melhor aconteça para você neste novo ano e Deus esteja contigo!

Grande beijo,
C.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Presenteie-se


Mais um natal à vista, sei que presentes são trocados, muitos doces, panetones, perus, frutas são servidos. Sei também que representa o nascimento de Jesus (para os católicos). Mas gostaria que neste Natal as pessoas se presenteassem agradecendo pela vida que possuem, por verem que as pessoas que mais ama neste mundo estão conosco.
Gostaria que as pessoas agradecessem por continuarem lutando a favor da vida em um mundo que as vezes parece tão desequilibrado no qual vivemos, lutamos, sorrimos, choramos.
Gostaria que as pessoas agradecessem por terem acordado, por terem visto o sol mais uma vez, por terem tido a oportunidade de abraçar seus amigos, irmãos, pais, filhos mais uma vez. Por ter tido a oportunidade de dizer "oi" para a vida mais uma vez.
Gostaria que as pessoas olhassem ao seu redor e percebessem como tudo é lindo, apesar das guerras que temos que enfrentar todos os dias com a nossa vida.
Gostaria que as pessoas percebessem que tudo o que elas precisam de verdade se encontra bem ao lado delas, só basta que olhem para o lado e reconheçam.
Esta noite, sonhei com o meu pai. Eu queria poder ter dito que o amava em meu sonho, mas antes que eu pudesse dizer, o sonho acabou.
Presenteie-se amando sua vida, presenteie-se olhando ao seu redor e vendo que tudo pode ser lindo, ao menos uma vez.
Presenteie-se demonstrando amor ás pessoas que você quer tão bem. Diga a elas que você as ama!
Meu Natal vai ser diferente este ano; vai ser diferente para sempre. Mas a dor que me transborda ganha consolo quando sei que meu pai sempre vai estar comigo aonde eu for... Não fisicamente, mas eternamente em meu coração.

Totalmente para você, pai!
Bom Natal para você,
C.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Top 31 livros que li em 2010.


 Lista com os livros que li de janeiro à dezembro, pela ordem dos que mais gostei para os que menos gostei:
nº 1 - Comer Rezar Amar - Elizabeth Gilbert
nº 2 - Querido John - Nicholas Sparks
nº 3 - Divã - Marta Medeiros
nº 4 - Como viver eternamente - Sally Nicholls
nº 5 - Para sempre - Alyson Noel
nº 6 - A rainha da fofoca - Meg Cabot
nº 7 - Cabeça de vento - Meg Cabot
nº 8 - Harry Potter e a câmara secreta - Jk Rowling
nº 9- Harry Potter e o prisioneiro de askaban - Jk Rowling
nº 10 - O menino do pijama listrado - John Boyne
nº 11 - O Pequeno principe - Saint Exupéry
nº  12 - Ponte para terabitia - Katherine Paterson
nº 13 - Gossip girl - As delicias da fofoca (vol. um)
nº 14 - Gossip girl - Você sabe que me ama (vol. dois)
nº 15 - Gossip girl - Eu quero tudo! (vol. três)
nº 16 - A hospedeira - Stephenie Meyer
nº 17 - Tamanho 42 não é gorda - Meg Cabot
nº 18 - Tamanho 44 também não é gorda - Meg Cabot
nº 19 - Los Angeles - Marian Keyes
nº 20 - Formaturas Infernais
nº 21 - O mundo de sofia - Jostein Gaarder
nº 22 - Escolhida ( House Of Night - vol. 3) - pc Cast
nº 23 - Traida ( House Of Night - vol. 2) - pc Cast
nº 24  - Os contos de Biddle, o bardo - Jk Rowling
nº 25 - Pegando fogo - Meg Cabot
nº 26 - Marcada ( House Of Night - vol. 1) - pc Cast
nº 27 - Indomada ( House Of Night - vol. 4) - pc Cast
nº 28 - Sorte ou azar? - Meg Cabot
nº 29 - Amor sem escalas - Walter Kirn
nº 30 - Diários do vampiro - Confronto (vol. 2) - L.S. Smith
nº 31 - Caçada - ( House Of Night - vol. 5) - pc Cast


:D
Beeijo, C!
Leia também : Mundo de Carol

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Sobre um outro novo começo.


Tento me acostumar, me prever. Mas lá no final do ano que vem sei que o impacto vai ser grande do mesmo jeito. A gente só sabe o quão dolorido será algo quando realmente passamos pela experiência.
(Eu já sabia disso, mas realmente entendi que é assim mesmo quando encarei o falecimento de meu pai).
Mas acho que é importante saber que quando terminamos o ensino médio não é um verdadeiro "fim"  . É o fim de uma etapa da vida, verdade, mas é depois do colegial que nós vamos em busca da concretização dos nossos sonhos verdadeiramente. Depois do colegial, nosso foco são nossos sonhos e realizações pessoais. Pensar dessa forma dá um certo consolo.
Por esses dias pensei como eu gostaria de já estar nessa nova fase. Talvez eu pense que já tenha mais maturidade suficiente do que muitas pessoas para avançar mais um passo, mas a contra parte sei que tudo tem seu tempo certo, então se meu tempo certo de encarar a faculdade e o mundo com mais "responsabilidade" é daqui a um ano é sinal que até lá terei muitas mais coisas e lições para aprender e levar para minha vida, apesar de já ter aprendido algumas das lições mais severas e requeridas para encarar o mundo de frente.

Beijo, C.
Acesse também: Mundo de Carol

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Daqui a algum tempo,


olharei para trás e verei que algumas pessoas que estiveram em minha vida foram pessoas passageiras, e nisso acabaram pertencendo a outro contexto de mim mesma. O que sei é que não dependeu somente de mim, porque realmente poderia ter sido tudo diferente se não fosse o jeito de algumas pessoas... E ambos seus egos.
O estranho é eu saber disso. Mas tudo bem, talvez não seja tão estranho assim, afinal de contas... Todo mundo passa por nossa vida, mas muitas pessoas não ficam.



Originalmente 16.12.10, às 4 horas da madruga! aehuaheuhe

Beijo,
C.

sábado, 18 de dezembro de 2010

A garota honesta,


sem maldade, que ama se divertir, mas que também gosta de ficar sentada olhando pro mar. A calmaria e o furacão. A sonhadora. Aquela que descobriu a cura para seus males nos textos que tão bem ela escreve, nos livros que a fazem viajar por lugares onde a dor não existe.

(Créditos à Linara que escreveu essa frase em uma carta tãão perfeita pra mim! Te amo!)

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Ela olhou


para ele e apenas disse:
- Eu sei que não seria a melhor coisa do mundo a se fazer, mas se você não fizesse tantas brincadeiras, até que eu te levaria a sério sobre suas intenções.



Beijo,
C.
às 4:35h da mesma madrugada (:

O que posso


 dizer sobre tudo isso atualmente?
Me sinto mista, numa pista com som de um dj.... Um show de cores, com direito até de bolhas de sabão e fumaça de gelo seco. Eis a definição de minha vida atual.
Não sei como posso me sentir triste e feliz ao mesmo tempo, só sei que sinto. Só sei que acontece.


C.
às 4:35h da madrugada de hoje HAIUEHAIUEH

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Um passado presente.

Sabe quando, sem procurar, olhamos para o outro lado da rua e reconhecemos um rosto familiar? Logo, o cenário nos remete a outra estação, cheia de outras músicas e costumes.
Que drástica mudança somos nós, não?
O passado foi época de bons frutos, mas também semeou sensações que, uma vez nossas, sempre nos pertencerão. Será tão grave assim folhear nossas memórias e deixar que as borboletas entrem novamente? Afinal, é coletando os momentos que construímos o futuro. Sendo assim, não se sinta mal por sorrir relembrando alguém que já te encheu de expectativas.
A saudade dos ‘velhos tempos’ é natural e semelhante a que temos de diversas fases da vida. Não a ignore, mas não faça dela um referencial. A verdade é que nossa razão muitas vezes se sobrepõe ao que vai bem além de nutrientes e é bombeado aos montes pelo coração a todo o instante.
Não conte até três e quebre os paradigmas de “não quero vê-lo nunca mais”. Dê uma brecha para um papo amigável e não torne disso um hábito. Depois de tomar nota das novidades, olhe para o visor do celular e naquela chamada perdida, perceba o quanto há de segurança e amor naquele que te oferece um abrigo nos dias de preguiça, chuva e TPM.
Nutra o seu amor vigente e faça dele mais verdadeiro a cada dia que passa. Fundamente-o numa rotina cheia de aventuras e eventualmente, reveja as fotos e as cartas.
Não existe culpado em fatos irreversíveis.
E vivemos assim, rodeadas de passados presentes.


Créditos: Blog Depois Dos Quinze

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Mas uma garota


tenta ser diferente para alguém.

Uma garota quer tentar mudar o mundo, e ela sabe que pode, mas só se realmente tiver coragem.
Uma garota quer tentar mudar alguém, mas também quer ser aceita do jeito que ela se fez.
Uma garota quer ter muito aquele cara, mas em algum momento ela percebe que este mesmo cara não vale o preço que cobra.
Como garota, posso compreender muito bem sobre o que estou falando e tenho que aceitar que aquele cara é realmente só mais um entre a multidão, que eu conheço já há muito tempo, mas que não deixa de ser aquele de muito tempo atrás. E sei que é em vão dizer, mas já me apaixonei por aquele cara, só que eu nunca fui o tipo que o atraia.
Então é isso, paixões secretas, ou talvez não tão secretas, e garotas que querem mudar o mundo.
Como essa tal que escreve esse blog.




Beijoo,
C.

Club Can't Handle Me - Flo-rida feat David Guetta

Já que o fim do ano se aproxima, formaturas acontecendo e verão chegando, nada como uma música para embalar tudo isso.


Club Can't Handle Me. - Flo-rida Feat David Guetta

You know I know how
To make em stop and stare as I zone out
The club can't even handle me right now
Watchin you I'm watchin you we go all out
The club can't even handle me right now (yeahhhhh)
The club can't even handle me right now (yeahhhhh)

Hey
I own the light and I don't need no help
Gotta be the feeling that scarface player
Stuntin go wild can't handle this plan
Life of the club arrogant like yeah!
Top like money all the girls just melt
Want to many all know me like Twelve
Look like cash and they all just stare
Bottles, Models, standin on chairs
Fall out 'cause that's the business
All out it's so ridiculous
Zone out so much attention
Scream out I'm in the building (hey!)
They watchin I know this
I'm rockin I'm rolling
I'm holding, I know it
You know it

You know I know how
To make em stop and stare as I zone out
The club can't even handle me right now
Watchin you I'm watchin you we go all out
The club can't even handle me right now (yeahhhhh)
The club can't even handle me right now (yeahhhhh)

Hey
Still feelin myself I'm like outta control
Can't stop now more shots lets go
Ten more rounds can I get a Kato
Paparazzi trying to make me pose
Came to party to I came no more
Celebrate coz that's all I know
Tip the groupies takin off their clothes
Grand finale' like superbowl
Go hard run the show
That's right wild out got money to blow
More light more ice when I walk in the door
No hype I do it big all over the globe

You got me watchin now (hey)
Got my attention now (hey)
Got everybody in the club wanting to know now
I am a ladies man
Come and be my lady and...
We can ball, soo, ahhhhhh
Bring ya body here let me switch up the atmosphere
Take you up out of this club and in my new limo
Fly you all around the world
What you want baby girl
Are you ready to go now?

You know I know how
To make em stop and stare as I zone out
The club can't even handle me right now
Watchin you watchin me we go all out
The club can't even handle me right now (yeahhhhh)
Lets celebrate now
You know who shut it down!

Beijoo,
C (:

sábado, 4 de dezembro de 2010

Bullying, isso tem que ter fim.

(Como este tema está sendo bastante abordado na escola onde estudo e ocorrendo em muitas salas de aula e até mesmo em escritórios de trabalho, resolvi postar aqui o que eu penso sobre isso de uma forma resumida).

O bullying sempre existiu, mas as pessoas não o conheciam tanto porque não ocorria tanto na sociedade a um tempo atrás como vem ocorrendo hoje.
Meu primeiro conhecimento sobre bullying foi em 2007, por um trabalho escolar. Mas lá em 2007, isso não era tão comum, pelo menos não tanto no Brasil.
A partir deste ano, 2010, o bullying está cada vez mais presente na sociedade. Crianças brigando, discutindo, se autodestruindo. É uma verdadeira pena que a "nova" sociedade e os jovens representantes do futuro estejam fazendo isso com a sociedade e com seu futuro.
Existem campanhas, propagandas, projetos para tentar conscientizar essas pessoas que querem destruir seu futuro, mas em minha própria percepção, não sei se as pessoas que cometem bullying absorvem o que as campanhas ou os projetos querem demonstrar, pois eu acho que a educação começa em casa, os primeiros alicerces são e sempre serão formados na família.
Uma pessoa que não possui uma família estruturada, ou terá que ter uma mente muito boa com um objetivo muito forte, pois se não não terá como superar a sociedade atual para se sobressair e alcançar o que deseja.. Ou caso contrário, a pessoa terá que descontar sua frustração na sociedade, seja escola ou trabalho.
Bullying, isso tem que ter fim. E esse "fim" começa pela educação que nós daremos aos nossos filhos, porque alguns, que já estão tomados por isso, só sairão dessa se tiverem alguém que os entenda, que os ouça, mas enquanto isso eu, por mim mesma, posso controlar minhas atitudes e não reprimir meus sentimentos, e também, mais para o futuro, saber educar meus filhos, se caso eu tivé-los.


Beeijo,
C.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Entre teus dedos.

Eu me prendi entre teus dedos, quando peguei na tua mão.
Eu me tornei você tão cedo, quando senti teu coração.
Batendo junto ao meu
Como se fosse o meu
O amor que eu vou te dar
É bem maior do que você imagina
Deixa a luz do Sol entrar
Veja o que ele te ensina
Você me diz seja bem vindo, de agora em diante eu sou seu lar
Cansado de buscar abrigo,
Agora você pode descansar, no peito meu como se fosse o teu lar. 

Eu me prendi entre teus... dedos.


Música : Entre teus dedos - Reação em Cadeia.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Você vai amar: Ponte para Terabitia.

Ponte para Terabitia é uma obra sobre a amizade de Leslie Burke e Jesse Aarons, dois estudantes do quinto, que criam um bosque mágico, o qual dão o nome de Terabithia, e onde viverão muitas aventuras.
Esta história foi escrita por Katherine Paterson, e publicada pela primeira vez em 1977, nos Estados Unidos. Uma obra que se transformou num clássico da literatura, em 2007 foi lançado um filme que se baseia neste livro.
Ponte para Terabítia conta a história de Jesse Aarons, um garoto do interior dos EUA muito tímido e solitário, meio rejeitado pelo pai e o único garoto de uma família pobre de cinco filhos. May Belle, sua segunda irmã mais nova, parece ser a única pessoa que gosta dele.
Leslie Burke era uma garota bem moderna e filha única de escritores, aos quais era muito ligada. Ela antes morava na cidade grande, mas se mudou para o campo e acabou vizinha de Jess. Leslie nunca assistiu televisão na vida, pois seus pais acham que faz mal para o cérebro.
Jess e Leslie se tornam amigos muito próximos, embora Jess não tenha gostado muito dela no começo (principalmente porque ela o venceu numa corrida). Essa amizade se formou por causa do fato de viverem bem próximos, e também o fato de eles serem perseguidos pelos valentões da escola, Janice Avery e Gary Fulcher, por serem considerados 'esquisitos'.

Minha opinião:
Assisti o filme logo que lançou, em 2007, e achei o filme muiito bom mesmoo! Fiquei sabendo que havia o livro não faz muito tempo, acho que foi em 2009, mas dai acrescentei ele na minha lista e acabei de lê-lo essa semana. Simplesmente muito bom! E o filme segue praticamente todos os detalhes do livro.
Super #indico mesmoo!!!
E acho também que o livro se enquadra na minha vida atual, pelo que acontece no final da história. Isso eu não vou contar, afinal de contas você vai ter que ler ou ver o filme para saber.
Trecho do livro que mais gostei:
"Agora era hora de seguir em frente. Ela não estava ali, então Jess tinha que continuar, pelos dois. Era a vez dele devolver ao mundo, em beleza e carinho, o que Leslie lhe emprestara em visão e força"











Beijoo,
C.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

III - Séries que eu amo: Glee x House

Simplesmente perfeitas !!

Glee ou gl33! :

Série de televisão do gênero comédia/musical, produzida pela Fox. É transmitida pelo Fox no Brasil. O presidente da Fox, Kevin Reilly, confirmou que Glee seria renovada para uma segunda temporada, antes mesmo do fim da primeira.
A história da série é focada nos esforços do professor Will Schuester, em reerguer o coral da escola  chamado de "Glee Club" (Clube do Coral), que no passado foi motivo de grande orgulho para todos os alunos na instituição. No entanto, a escola não tem recursos para sustentar o coral, que a princípio só atrai os alunos pouco populares e estigmatizados. (Obs: eu achei muito interessante essa parte do elenco principal fazer papel de pessoas pouco populares, ou seja, aqueles que são menosprezados nos colégios, dando um destaque super modesto neles, principalmente para mostrar que todos tem qualidades e que as pessoas não deveriam julgar umas as outras pela aparência)
Assim, eles precisam chegar à final do campeonato regional de corais para garantir a verba para continuar funcionando. No meio disso, a professora Sue Sylvester, que treina o time de líderes de torcida da escola, que já venceu inúmeros campeonatos, está disposta a tudo para atrapalhar o sucesso do coral "Novas Direções", já que ele pode resultar em menos prestígio e dinheiro para seu time de líderes de torcida.
Mesmo com uma primeira temporada incompleta Glee foi a série estreiante mais premiada. Sendo declarada como "A Melhor Nova Série"

Muito boa essa série! Amoo as músicas que o Glee interpreta e tenho várias no meu computador. E, acredite ou não, o Glee Club foi à Casa Branca cantar para o presidente Barack Obama!
Eu torço muito para o Professor Will ficar com a Emma, o Puck com a Quin e a Rachel com o Finn! (principalmente esses dois últimos, sãão perfeitos um pro outro. haha!)
Vale apena. Super #indico Glee.
Download glee primeira e segunda temporada.


House MD:


Já ouviu falar de House? Não?
Pois é, então eu vou lhe apresentar a esse cara meio maluco.
A primeira vez que ouvi falar sobre House foi no início do ano passado (2009), mas sabe nunca tive aquele interesse ou aquela importância pela série até que assisti um episódio dublado na Record em Julho/Agosto desse ano. Bom, ai achei uma série completamente diferente e completamente brilhante para mim assistir. Para quem estava acostumada apenas com Friends, Vampire Diaries, House foi um graaande salto. Sei que aprendi muitas coisas vendo Friends, pois é algo mais baseado em realidade/cotidiano, são histórias possíveis, digamos assim; mas Vampire Diaries eu assistia (e ainda assisto) só que não é aquela série possível de acontecer na vida real né. Contudo com House já aprendi muitas coisas e continuo aprendendo, isso é, claro, no ramo da medicina, mas são casos que podem ocorrer na vida real e acho que é por isso que eu amo tanto essa série que adotei nem faz tanto tempo assim.
House, M.D.  é uma aclamada série médica norte-americana, exibida originalmente nos EUA pela Fox a 16 de Novembro de 2004. Já recebeu vários prémios, entre eles dois Globos de Ouro.
A personagem principal é o Dr. Gregory House. House é um infectologista e nefrologista que se destaca não só pela capacidade de elaborar excelentes diagnósticos diferenciais, como também pelo seu mau humor, cepticismo e pelo seu distanciamento dos pacientes, comportamento antissocial, já que ele considera completamente desnecessário interagir com eles.
A ação passa-se num hospital universitário fictício, em New Jersey, nos Estados Unidos.
A série conta com seis temporadas completas. A sétima foi estreada nos EUA em 20 de Setembro de 2010.
No Brasil a série é exibida pela Universal Channel (episódios novos e reprise) e pela Record (canal aberto - episódios mais antigos).
De renome internacional, a série venceu vários prémios e foi nomeada em outros.

Agora, falando em casais, no início (primeira temporada) eu achei lindo House com a Cameron, mas eles não deram certo. Na segunda temporada, eu decididamente achei que ele deveria ter voltado com a ex mulher dele. Mas na terceira temporada abri os olhos para House junto com a Cuddy. E agora torço por eles dois! Além deles dois, torço muito para que o Chase fique com a Cameron, ficam perfeitos juntos!!!
Atualmente estou começando a quarta temporada (graças à Deus faltam só duas temporadas e alguns episódios para eu me atualizar nessa série!) e a temporada que eu mais gostei até agora foram a primeira e a segunda, mas me disseram que a quarta temporada está muitooo boa! Bom, só vou saber quando eu tiver assistido.
Supeeer #indico House. Segunda melhor série que eu assisto!
Download 1ª, 2ª, 3ª, 4ª, 5ª, 6ª e 7ª temporadas de House !





Beeijoo,
C.

Fonte: Wikipedia

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Valorize.


Cada abraço, cada sorriso. Cada pessoa que você conhece.
Valorize seus amigos, e mais de tudo seus pais e irmãos.
Valorize a vida, por estar vivo, pelo ar entrar em suas veias, por ver o sol mais uma vez.
Pode ser muito clichê, mas somente agora, depois de ter perdido meu pai, vi os reais valores da vida e o quanto ela pode acabar num piscar de olhos.
Valorize o que você tem e viva o hoje.
E aquela história de deixar as pessoas com palavras bonitas, pois pode ser a última vez que você as veja é a mais pura verdade hoje e será amanhã e daqui a cem anos.
É importante você sonhar e valorizar seus sonhos, querer traze-los para sua realidade.
Nunca deixe um "te amo", um abraço ou um beijo para amanhã.
E faça coisas que façam você feliz, mude se for preciso, mas busque a felicidade.
Daqui nós não levamos nada, somente deixamos o nosso legado e o quanto alguém ou "alguéns" nós fizemos feliz.


Por você, pai.
Meu eterno heroi.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

A arte de andar de ônibus.


Gosto e sempre gostei de andar de ônibus.
Mas não aquelas viagens longas, por exemplo do Rio Grande do Sul ao Uruguay, e nem aquelas viagens tão curtas, como voltar do colégio para minha casa.
Gosto de andar de ônibus de minha casa até o centro da cidade, com suas tantas paradas por que, então, a viagem não é tão longa e nem tão curta. É na medida.
Gosto de andar de ônibus porque isso me permite pensar, refletir, imaginar, criar.
Tavez seja estranho, mas alguns dos textos mais bonitos já escrevi tive inspiração enquanto andava em um ônibus.

II - Sem título.

E, conforme a vida passa,
você vai ter que entender
e se conformar.
os dias vem e vão
e tudo volta para o seu lugar.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

I - Sem título.

Perdida.
Confusa.
Tentando entender,
mas sem nenhuma conclusão.
Toda dor que pensei sentir um dia não se compara a dor autodestruidora que sinto agora.
E não tenho como evitar isso.
Talvez se eu tivesse tido a oportunidade de dizer adeus, sentiria mais conforto. Mas não sei se isso também seria um consolo, afinal de contas seria apenas um adeus e eu não o teria mais.
Meu pai,
quanta falta que tu me faz.
Quanta falta que tu me faz!

Fique em paz.

Carol.

sábado, 20 de novembro de 2010

Você vai amar: Querido John.


"Pode ser moedas, esportes, politica, cavalos, música ou fé... As pessoas mais tristes que já conheci na vida são as que não se importam profundamente com nada. Paixão e satisfação caminham lado a lado. Sem elas, qualquer felicidade é apenas temporária, porque não há o que faça durar"


"Independentemente do que acontecesse em nossas vidas, eu me imaginava ao fim do dia deitado na cama ao lado dela, nós dois abraçados enquanto conversávamos e ríamos, perdidos nos braços um do outro"


"Mas eu a conheci; e é isso que torna minha vida atual tão estranha. Eu me apaixonei por ela enquanto estávamos juntos, e me apaixonei ainda mais nos anos em que ficamos separados. Nossa história tem três partes: um começo, um meio e um fim. Embora seja assim que todas as histórias se desenrolam, ainda não consigo acreditar que a nossa não durará para sempre"


"É por isso que não conto às pessoas sobre nós. Eles não iriam entender, e não sinto necessidade de explicar, simplesmente porque sei em meu coração foi real."

Trechos retirados livro Querido John, do Nicholas Sparks.
MUITOOOO PERFEITO!!!
Bem melhor que o filme, como sempre.

#indico !!

Beijo.
C.

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Você vai lembrar de mim.

 
 
Quando eu te vejo espero teu beijo,
Não sinto vergonha, apenas desejo.
Minha boca encosta em tua boca que treme.
Meus olhos eu fecho, mas os teus estão abertos.
Tudo bem se não deu certo. Eu achei que nós chegamos tão perto!
Mas agora, com certeza eu enxergo, que no fim eu amei por nós dois.
Esse foi um beijo de despedida que se dá uma vez só na vida.
Que explica tudo sem brigas!
E clareia o mais escuro dos dias.
Tudo bem se não deu certo, eu achei que nós chegamos tão perto!
Mas agora, com certeza eu enxergo, que no fim eu amei por nós dois.
Mas você lembra! 
Você vai lembrar de mim,
Que o nosso amor valeu a pena.
Lembra é o nosso final feliz
você vai lembrar...vai lembrar...sim...
você vai lembrar de mim!

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Answer me, please.

De tantas perguntas atualmente sem respostas, ainda guardo algumas de mais tempo e ancio muito pelas respostas.
Acho que tenho algum direito, porque a pergunta em questão é sobre algo que minha vida participou como protagonista e a resposta pode me ajudar a entender outras situações, reações que ocorreram depois.
Deve existir algum motivo, eu quero minha resposta! O problema é que atualmente a resposta se encontra muito mais distante de onde estou, do momento que estou vivendo.
Mas então, me diga garoto, me diga como você funciona e me responda porquê.
Mas então, me diga garoto, que era para ter sido diferente, que era para ter sido algo mais.
Mas então, me diga garoto, que você queria que o mundo inteiro soubesse, não só nós dois.
Ou então, não diga nada, garoto, mas me faça ver a minha resposta. Me faça ver a minha resposta antes de ir embora.

Beijo,
C.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

II - Contexto atual.


Não tinha muito o que dizer,
talvez não tivesse muito o que pensar,
mas mesmo assim, seguia à diante.
Afinal de contas,
agora ela tinha um coração que sentiria saudades de alguém para sempre.
Mas mesmo assim, ela teria que seguir à diante,
tropeçando, chorando, caindo, levantando, sorrindo.
E novamente tropeçando, até que se reerguesse novamente.
Afinal de contas,
ela não tinha pedido por essa nova vida,
mas, no entanto, não podia mudar o que havia acontecido, somente, algum dia, aceitar.



Totalmente pra você, pai.
Beijo, carol.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

III - Pra ti, pai.

Janta do Grêmio 2009. Eterno gremista, né pai? S2
"A maior conquista do ser humano é manter o sorriso nos lábios, enquanto o coração explode de dor."
 

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

II - Pra ti, Pai.

Eu e meu pai no jantar do grêmio, em 2008. Obrigada pai !

Vida é memória. Dei pra pensar que tudo o que há de mais vivo em mim foi aquilo que já se foi. As pessoas mais importantes foram as que não ficaram. (Trecho retirado do livro Divã)

Totalmente pra você, pai.

I - Contexto atual


E esse seu olhar e aproximação de mim só comprova uma coisa:
Você estava morrendo de saudades de mim.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Pra ti, Pai.

Imagine se não existissem países
Não é difícil de se imaginar
Nada para matar ou morrer
E nenhuma religião também
Imagine todas as pessoas
Vivendo a vida em paz
Você pode dizer que eu sou um sonhador
Mas eu não sou o único
Eu espero que um dia você se junte a nós
E o mundo se torne um só
Imagine que não existam posses
Imagino se você consegue
O mundo sem ganância ou fome
Uma irmandade de homens
Imagine todas as pessoas
Compartilhando o mundo
Você pode dizer que eu sou um sonhador
Mas eu não sou o único
Eu espero que um dia você se junte a nós
E o mundo se torne um só !



Original: John Lenon
Interpretação: Glee

Eternas saudades.
Eu sei que um dia a gente vai se reencontrar, pai. Mas enquanto não chega este dia, irei realizar todos os meus sonhos em sua dedicação... Porque era o que você queria: que eu fosse feliz e que fizesse tudo o que tivesse vontade, que me tornasse aquilo que realmente desejo ser. E também realizarei os seus sonhos, pai. Tenho certeza que muitos deles o senhor realizou É CLARO QUE SIM! Mas eu realizarei aqueles que você deixou encaminhados.


Um grande beijo Pai!
Da sua filha que sempre vai te amar,
Caroline Ferri.

domingo, 7 de novembro de 2010

Pai: não tenho como descrever o quanto sinto sua falta.


Eu ainda não acredito que você não está mais aqui com nós pai.
Aconteceu tão depressa,
parece aquelas noticias que a gente sempre vê na pagina policial do jornal, mas que pensa que nunca vai ser com nós.
Pai....
não tenho como entender e nunca vou ter como entender.
Eu vou sentir sua falta pra sempre.
Tu foi o melhor cara que eu poderia ter conhecido na minha vida.
Deus estava precisando de um anjo e, por tu ser uma pessoa tão boa, foi quem ele escolheu.
Pai, eu, a mãe e a Daia vamos te amar pra sempre, sentiremos saudades de ti pra sempre.

Avião sem asa, fogueira sem brasa
Sou eu assim sem você
Futebol sem bola. Piu-Piu sem Frajola
Sou eu assim sem você
Por que é que tem que ser assim?
Se o meu desejo não tem fim
Eu te quero a todo instante
Nem mil alto-falantes
Vão poder falar por mim
Amor sem beijinho,
Buchecha sem Claudinho
Sou eu assim sem você
Circo sem palhaço, namoro sem abraço
Sou eu assim sem você
To louco pra te ver chegar
To louco pra te ter nas mãos
Deitar no teu abraço, retomar o pedaço
Que falta no meu coração
Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio tá de mal comigo
Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio tá de mal comigo, por que?
Neném sem chupeta, Romeu sem Julieta
Sou eu assim sem você
Carro sem estrada, queijo sem goiabada
Sou eu assim sem você
Por que é que tem que ser assim?
Se o meu desejo não tem fim
Eu te quero a todo instante
Nem mil alto-falantes
Vão poder falar por mim
Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio tá de mal comigo
Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio tá de mal comigo, por que?

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Por hoje também.


Ela estranha o futuro,
mas mesmo assim não desiste.
Segue em frente.
E por mais que seja estranho, ela sabe que é assim que deve ser.
Nada mais faz,
apenas pega seu violão, põem-se a tocar.
E dos problemas esquece. Deixa pra trás.
Aconteceu, acabou, seguiu.
Dessa maneira ou diferente,
ela nada mais faz,
apenas pega seu violão e segue em frente.


Beeijo,
C.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Por hoje.


Cada dia é incrivelmente diferente para mim.
Estou vivendo várias vidas, somente ao encargo de uma.
Não sei como, no meio de tanta confusão, ainda me encontro.
Não sei como, mas esse jeito como me sinto é absolutamente normal.

Beijo,
C.

Total eclipse of the heart.

(Eclipse total do coração)

(Vire-se)
De vez em quando, eu fico um pouquinho solitária e você nunca está voltando.
(Vire-se)
De vez em quando, eu fico um pouco cansado de ouvir o som das minhas lágrimas.
(Vire-se)
De vez em quando, eu fico um pouco nervoso que o melhor de todos os anos se passaram
De vez em quando, eu fico um pouquinho apavorada e então eu vejo o olhar em seus olhos
De vez em quando, eu desabo

E eu preciso de você hoje à noite, e eu preciso de você mais do que nunca
E se você apenas me abraçar apertado, nós estaremos abraçados para sempre
E nós estaremos apenas fazendo o certo, porque nós nunca vamos estar errados juntos
Nós podemos levar até o fim.
Seu amor é como uma sombra em mim o tempo todo.
Eu não sei o que fazer e estou sempre no escuro
Estamos vivendo num barril de pólvora e soltando faíscas
Eu realmente preciso de você hoje à noite
Pra sempre vai começar hoje à noite
Era uma vez, eu estava apaixonada
Mas agora, estou apenas caindo aos pedaços
Não há nada que eu possa fazer
Eclipse total do coração
Era uma vez, havia luz na minha vida, mas agora existe apenas amor na escuridão
Nada que eu possa dizer.
Eclipse total do coração.
De vez em quando, eu desabo
E eu preciso de você hoje à noite, e eu preciso de você mais do que nunca
E se você apenas me abraçar apertado, nós estaremos abraçados para sempre
E nós estaremos apenas fazendo o certo, porque nós nunca vamos estar errados juntos
Nós podemos levar até o fim.
Seu amor é como uma sombra em mim o tempo todo(o tempo todo)
Eu não sei o que fazer e estou sempre no escuro
Estamos num barril de pólvora e soltando faíscas
Eu realmente preciso de você hoje à noite
Para sempre vai começar hoje à noite
Era uma vez, eu estava apaixonada
Mas agora, estou apenas caindo aos pedaços
Nada que eu possa fazer
Eclipse total do coração.

Total eclipse of the heart - Glee  
Música original interpretada pela Bonnie Tyler

Obrigado Naty por ter me viciado nessa música!!!!
Beeijoo, 
C.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Livre arbítrio.

O conjunto das "experiências" que eu vivi, não somente me trouxeram lições de vida, mas fizeram com que eu me transformasse em outra pessoa. Fizeram com que eu tivesse uma nova perspectiva sobre o mundo, sobre tudo.
Não sei se eu  estava preparada. Acho até que não estava, porque o impacto do que aconteceu foi grande.
Mas essas experiências me mudaram; me transformaram na pessoa que eu sou agora.
E talvez tenha sido voluntário. Afinal de contas, de qualquer maneira eu mudaria, isso é normal de qualquer ser humano, mas foi olhando para os desafios/experiências, e absorvendo delas aquilo que eu queria, que me transformaram em alguém diferente.
Experiências e desafios acontecem pra todo mundo, talvez de diferentes formas, mas a grande maioria trás a mesma lição. Nós é que escolhemos o que é proveitoso dessas situações. Pra mim foi uma coisa, pra você pode ter sido outra. Ambos mudamos de acordo com aquilo que escolhemos. E se as escolhas foram diferentes, provavelmente as direções dos caminhos que tomarmos serão diferentes também. E é ali que as pessoas começam a se definir melhor, ou seja, quando o meu caminho for diferente do seu.
O que quero dizer é que não são os outros, não é o que seus amigos querem e, muito mais do que suas habilidades, serão sempre as suas escolhas que vão lhe definir, pois você, eu, todos nós temos direito ao livre arbitrio.
Sua vida vai depender de suas escolhas. Então pense bem antes fazer/escolher algo.

Um beeijoo,
C. (:

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Sun and Love.

Demoorei muuuito tempo para encontrar essa música !!!!
Agora, divulgo e divido ela com vocês!



Uma vez que você encontrou outro lugar para ficar
Você gosta de outro jogo para jogar?
Agora é hora de movimentar
Leve-me mais, deixe-me ouvir o sol
Quero a felicidade tanto para nós
Quero secar as lágrimas de todos
Não esqueça das promessas que você fez
Vai ajudar a si mesmo e ao seu irmão
Sol e amor juntos, onde quer que nós iremos.
Seremos para sempre, onde quer que nós iremos.
O sol em mim.
Agora precisamos de uma mudança para todos
Eu estive sonhando por um longo tempo
Preto ou branco que vai ficar tudo bem
Não há nenhuma razão mais para lutar
Todas as flores e as árvores ao redor
todas as crianças sentadas no chão
Não esqueça das promessas que você fez
Vai ajudar a si mesmo e ao seu irmão
Sol e amor juntos, onde quer que nós iremos.
Seremos para sempre, onde quer que nós iremos.
O sol em mim.
Quer jogar?
Quer jogar um outro jogo comigo?
Agora este é um tempo para você,
não chore, por favor não chore.
Sol e amor juntos, onde quer que nós iremos.
Seremos para sempre, onde quer que nós iremos.


Video com a musica Sun and Love - Lanfranchi & Farina 

Beeijo,
C.

Céu completamente azul.

Primeiro de novembro de 2010. Para mim esse dia é emendado com o feriado (02/11). Ou seja, é como se hoje fosse feriado também.
Engraçado, mas o ano passou bem rapidinho né? Acho que sempre é assim !
Parecia ontem que eu estava a bordo de um navio tãão gigante e vivendo uma das experiências mais legais e marcantes da minha vida.
Parecia ontem que eu estava começando o segundo ano do ensino médio. Ao qual agora estou praticamente aprovada.
O céu esteve tão lindo esse "feriado" (sendo que ainda falta amanhã), dando inspiração para sair, para ir, para querer, para não voltar, para libertar.
Inspiração para sentar aonde o sol me vê e o céu me abriga.
Inspiração para, apenas, olhar lá pra cima, não enxergar uma só nuvem e pensar: tudo vai indo bem ; eu estou indo bem.
É tão boa a sensação que o sol, que o céu sem nenhuma nuvem trás !
Eu parei para admirar o céu todos os dias, parei para sentar e ler um livro ao ar livre, parei para admirar a natureza em todo seu conjunto e pensar: "Tudo está como deveria estar. Tudo está bem".
E me senti maravilhosamente bem.
Amanhã é o feriado. Amanhã, em muitos lugares, o céu pode estar completamente azul sem nenhuma nuvem também.
Se você estiver num desses lugares com o céu como citei acima, faça o que eu fiz. Nem que for apenas por uns cinco minutos, mas admire o dia. Admire a natureza.
Sinta. Saia por ai. Finja que não tem que voltar.
Admirar o dia é algo tão simples, tão humilde, que muitas pessoas nunca fizeram. Tolas, não sabem o que estão perdendo.

Beijo,
Bom feriado :D
C.

sábado, 30 de outubro de 2010

Os herdeiros alienados do futuro.

Bebida liberada, amigos, festa, alguém dirigindo, freios, batida, morte. Um resumo irritante da realidade. Não é difícil perceber a fossa para a qual muitos jovens caminham. É de praxe, num sábado à noite, sair por aí e assistir ao espetáculo sem graça de jovens entrando em coma alcoólico, fumando loucamente e perdendo a noção enquanto se drogam.
Apesar de sabermos todas as causas dessa autoflagelação, é difícil entender o propósito dos jovens ao se destruírem a cada dia. E pior: saberem disso. Três vertentes se interligam na formação de um adolescente: família, escola e amigos. A família é o alicerce principal, e isso é indiscutível. A escola é a administradora da convivência social, o primeiro contato do jovem com o mundo. E é lá onde ele conhece os amigos, onde existe, pelo menos, um exemplo a não ser seguido. Arrisco dizer que 80% deles não querem saber de estudo e a única coisa que interessa são as noites regadas a álcool, entorpecentes e sexo. Esses são os adultos que se criam e procriam, em larga escala, achando lindo o que estão fazendo. O ponto principal é a imagem. Alguém me fala quem inventou que fumar é bonito e que pegar vinte numa noite é sinônimo de virilidade. É ridículo. Menina assim, que não sabe nem a hora que está com fome, acha lindo sair que nem puta pelas ruas, fumar seu cigarro e se atracar com um cara desconhecido numa rua escura.
É a maior hipocrisia do mundo dizer, nos dias de hoje, que isso acontece pela falta de informação. Tem uma televisão ligada em qualquer esquina com propagandas educativas, tem sempre algum maço de cigarros no chão que algum porco jogou mostrando atrás o que ele ocasiona, e tem sempre um acidente de carro gerado por bebida próximo de você. É triste pensar como esses jovens de hoje vão educar a próxima geração.
Vejo meninas, só um ano mais novas do que eu, totalmente perdidas na vida, totalmente aquém do mundo real. Não é pra não fazer tudo isso que refutei, afinal sempre dizem que esses são os melhores anos da nossa vida. Mas a autocrítica é para discernimento do que é plausível e do que é loucura. Curtir uma noite com os amigos é plausível. Beber, pegar um carro pra dirigir e colocar em risco a vida de outras pessoas é loucura. Entendeu a diferença? O maior problema é achar que se está livre desse tipo de coisa acontecer com você. Não seja ingênua. Afinal, você poderia estar naquele carro.

Créditos: Blog Depois dos Quinze

Ameei esse texto!!!
Beijo,
C.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Velho lugar.

Quando você chegou, eu não acreditei.
Mas sempre tem a primeira vez.
Então tudo mudou, só consegui falar um pouco de cada vez.
De tanto estrapolar, tudo aconteceu.
Fiquei sozinho outra vez
Ah! Quando você lembrar,
Ah! Pode me procurar,
Lá! Naquele velho lugar.
Já! Já tô chegando lá.
Sempre me preocupei na hora de falar, cuidar e não te fazer sofrer.
Chega de complicar.
É hora de ensinar:
Nunca é tarde pra aprender
Se o sonho acabou, tenta não esquecer
A gente fez ele acontecer.



Beeijo, 
C.

(Obs: não encontrei o video dessa música,
mas o nome é Velho lugar do Charles Master.)

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Sobre o futuro.

Pensar no futuro é ter a certeza de que algo está me esperando. Algo, ao qual, eu tenho o direito de decidir como eu quero que seja.
É saber que minha vida está apenas começando e que o futuro depende do que eu desejar agora; depende do quão grandiosos se fizerem meus desejos, meus sonhos, pois será lá aonde eu irei chegar;
É saber que existe algo a minha frente que pode adquirir várias e diferentes formas. Depende daquilo que eu desejar e da quantidade de fé que eu depositar para que dê certo.
É saber que existe um mundo de oportunidades a minha frente, apenas esperando pela minha decisão.
O futuro pode adquirir qualquer forma, mas as minhas escolhas é que vão defini-lo.



( Escrevi este texto para a promoção Rumo Certo do Kzuka, mas como lá eu podia apenas escrever poucas linhas, aqui escrevi o texto na íntegra.)

Um beijo,
C.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Mistakes were made.

"Você não pode controlar a vida. Você pode somente controlar a sua vida, e você pode vê-la do jeito que quiser, nisso você pode escolher seus sentimentos com as pessoas que estão ao seu redor e com o que está acontecendo ao seu redor, então viva assim.
Desista de controlar a vida e viva a vida. Ao máximo!
A vida é boa, seja você feliz ou não.
O que é a felicidade de qualquer forma, além de estar cercado das pessoas que você ama? Das pessoas que te amam? Você só pode escolher sentir o amor. Sinta o amor.
E, quando somente os erros ficam, foi tudo um erro de verdade? Ou os erros são apenas lições? Todos cometem erros.
A vida é uma escola, um processo de aprendizagem, e algumas lições são mais dolorosas que outras, mas é assim que são as coisas. 
A soma total de nossas experiências é o que nos faz quem somos.
Todas as boas experiências não resultariam em tornar-se na forte e interessante pessoa que você é."

Texto retirado da Série "A vida secreta de uma adolescente americana", vigésimo episódio da segunda temporada, "Mistakes were made".

super #indico ,

Beeeijo,
C.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

I - Entendendo ela melhor. Convivendo.

Talvez eu odeie o jeito como ela trata alguns assuntos agora.
Talvez eu julgue sua vulgaridade.
Talvez eu sinta raiva dela por não ser mais aquela que eu podia ligar as quatro horas da manhã e dizer: "Essa foi a melhor/pior noite da minha vida" e em troca ela comemoraria comigo ou me aconselharia por o que aconteceu.
Talvez muitas vezes eu pensei que não a queria mais, que por ela ser tão diferente de mim hoje, estivesse pertencendo a outros tempos de mim mesma.
Tentei tantas vezes conjugar ela no meu passado, mesmo sabendo que nos dias atuais ela nunca arrastou um pé para ir embora.
Talvez eu odeie suas experiências.
Talvez a odeie pelo modo que ela sabe julgar garotos hoje.
Mas eu adoro sua maturidade.
Apesar de agora ser tão diferente daquela garota que eu conheci a um tempo atrás e ter sido bem difícil entender que as pessoas mudam, e muitas vezes mudam para algo que nós não sabemos lidar logo nos primeiros taaantos meses. Mas sim, a gente acostuma.
Eu entendo melhor agora o que deve ser ela. E não posso julgar. Nem conjugar ela no passado, porque, por mais que eu tentasse, ela continua querendo estar comigo no presente.
Alguém me fez entender que cada pessoa encontra uma saída para seus problemas, com todo mundo é assim. E se minha amiga é diferente e tem atitudes diferentes hoje é porque essa foi a forma que ela encontrou pra esquecer os problemas, pra esquecer todo o caos que realmente a cerca.
Posso dizer que a admiro e gosto dela do jeito que ela se fez, independente do quanto ela tenha mudado.
Só acho que demorei um tempão para entender isso, mas ainda não é tarde. Aliás, nunca é tarde.
As pessoas deveriam começar diferente de mim, não "julgando" de primeira. É preciso olhar para um problema, para uma pessoa que se transformou numa incógnita em sua vida com muito mais cautela.
Talvez nós julguemos tanto algumas pessoas, sem nem se quer pensar que elas nem devem estar fazendo questão de julgar a gente. Comece pensando que "sim, essa pessoa mudou" e depois avalie o que ela mudou, porque incomoda você. Ok. Mas então perceba: Você também mudou.
E foi assim, 
te conjugando no meu passado, te descobri no meu presente.

(Ó Minhas metamorfoses progredindo minha vida.)

Beeijo,
C.
(Dedicado a alguém, óbvio, que faz parte da minha vida no antes, no agora e no depois. E não, não vou tentar arrancar esse alguém da minha vida novamente. Não mais. ILY)

domingo, 24 de outubro de 2010

Use somebody.

 Eu tenho andado por aí, sempre menosprezando tudo que vejo.
 Faces pintadas, preenchendo lugares que não alcanço.
Você sabe que eu preciso de alguém.
Você sabe que eu preciso de alguém.
Alguém como você, tudo que você sabe, como você fala.
Amantes incontáveis disfarçados nas ruas.
Você sabe que eu preciso de alguém
Você sabe que eu preciso de alguém
Alguém como você.
Saio andando pela noite, enquanto você vive, eu vou dormir.
Começando guerras para sacudir o poeta e a batida
Espero que faça você notar. Espero que faça você notar.
Alguém como eu
Alguém como eu
Alguém como eu, alguém
Alguém como você, alguém
Alguém como você, alguém
Alguém como você, alguém
Eu tenho andado por aí, sempre menosprezando tudo que vejo.
 
 
Beeijoo,
C.

sábado, 23 de outubro de 2010

My girlfriend's back.

"A vida sempre muda. Nunca se sabe com quem cada um vai ficar.
Querer muito uma coisa, muito muito mesmo não significa que você vai conseguir essa coisa ou essa pessoa.
E às vezes quando você persegue um sonho, você descobre que o que você queria já o tinha em sua vida."

Texto retirado da série The Secret Life Of The American Teenager, décimo episódio da terceira temporada "My girlfriend's back".


Ouutra série perfeita demais !!! #indico


Beeijo,
C.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Tomando o controle.

A chuva lá fora não para. Meu sono prevalece.
Estou ansiosa como estive ontem.
Não sei o que me aguarda na porta fechada a minha frente.
Igual a ontem.
Este texto demora para ser escrito. O celular não coopera. Meu nervosismo também não.
Preciso começar a ter papel e caneta à mão.
Minha imaginação está me enganando, vindo a qualquer momento.
E tomando o controle.
Deve ser o ritmo que esta semana assumiu. Me mostrando experiências novas.
E ao fim desta semana é como se eu tivesse vivido mil Carois em uma.
Aquela tal metamorfose, que cada vez me faz viver mais coisas novas;
Aquela tal metamorfose, que me impulsiona a ir, mesmo estando apreensiva;
Aquela tal metamorfose, que me faz viver;
Aquela tal metamorfose, que transforma tudo em imaginação e criatividade.
E esta que não se contém em se transportar para a minha mão.
E tomando o controle.

Beeijo,
C.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Doze minutos.

Ela acordou no meio da noite.
E o sonho permaneceu por toda manhã.
De todas as pessoas no mundo que ele poderia lembrar em doze minutos, lembrou dela por mais tempo.
Doze minutos para acabar. Porque doze ela não saberia responder.
Primeiramente lembrou de uma outra durante três minutos e nos outro nove lembrou dela.
Como se fosse o fim, recordou.
Como se ela ainda estivesse lá, recordou.
Algumas pessoas realmente marcavam mais ela por um beijo? Será uma identificação?
Porque ela sempre valorizava o beijo como eternidade, porque marcava. Alguns se esquecia o jeito, o gosto, mas nunca o momento.
E ele se lembrou dela. Será que ele lembrou dela nos nove dos doze minutos por causa do beijo? O que teria acontecido?
Ela não sabe, mas ele lembrou (dela).

Beeijo,
C.

Reality bits me.

E agora eu não posso dizer mais que não quero.
Por que eu preciso. Não tenho mais opções.
Não diga mais nada, já não estou escutando.
É hora de ir.
A realidade me chamou.


Beeijo,
C.

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Tente.

" - Eu digo para eles mudarem, sairem de suas caixas. Mesmo que estejam morando nessa caixa.
Não é fácil sair da zona de conforto. As pessoas vão acabar com você. Vão dizer que nem devia ter tentado.
Mas escutem isso: Não há muita diferença entre um estádio cheio de fãs e um bando de gente te xingando. Ambos estão apenas fazendo barulho. Como encarar isso é com você.
Convença-se que estão torcendo por você. Se fizer isso, um dia, eles irão."

Série Glee, episódio quatro da primeira temporada.

muuuito boom !!! Glee é perfeitooo!!  #indico

Beeijoo,
C.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Somente por um momento e nunca mais.

Uma noite. Dois nomes, uma árvore.
Mesma sintonia. Dois corações, um amor.
Uma promessa. Dois destinos, um suspiro.
Três palavras. Sete letras.
Ele disse, ela era dele.


Beeijo,
C.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...